CONTACTOS
Fale connosco
800 203 186
Em rede

Está aqui

Árvores das ruas de Cascais

 

A Câmara Municipal de Cascais celebrou um contrato de cooperação com o Instituto Superior de Agronomia para o desenvolvimento de estudos especializados no âmbito da gestão do arvoredo no município, incluindo a quantificação dos serviços de ecossistema que proporcionam as árvores de arruamento de Cascais.

Esta quantificação é baseada na aplicação i-Tree, que é um pacote de ferramentas de software criado pelo USDA Forest Service (Serviço Florestal do Departamento de Agricultura dos E.U.A.), que fornece meios para a análise e avaliação da floresta (tanto em ambientes urbanos como em contexto rural) e dos seus benefícios ecológicos e económicos.

PORQUÊ?

O arvoredo urbano contribui de forma inquestionável para a qualidade de vida urbana com impactes positivos ao nível da melhoria da qualidade do ar, redução da temperatura, aumento da humidade, promoção da biodiversidade, mitigação das alterações climáticas, valorização patrimonial e paisagística, entre outros.

Mais do que exemplares botânicos, as árvores constituem no seu conjunto peças fundamentais da infraestrutura verde, prestando um conjunto de serviços benéficos a quem usufrui da cidade, residentes e visitantes, benefícios esses que contribuem para o conforto urbano e para os quais é necessário aferir e quantificar esses benefícios.

O reconhecimento da importância do arvoredo no meio urbano implica um conhecimento mais aprofundado dos seus benefícios para garantir uma gestão adequada do espaço público, orientada para a maximização dos benefícios resultantes das árvores em meio urbano.   

Por outro lado, o arvoredo urbano é alvo de um crescente interesse pelos cidadãos pelo que, para um pleno exercício dessa cidadania, torna-se indispensável dotar o público em geral de ferramentas e informação para conhecimento do estado da evolução das árvores no espaço urbano e dos seus benefícios, como forma de valorização desses elementos.

Separadores